Realeza, 12 de maio de 2021 - Paraná - BR

Notícias

Autor: Admin

ASSISTÊNCIA SOCIAL DE REALEZA PROMOVE REUNIÃO DA REDE DE PROTEÇÃO

Na última quarta-feira, 24, a Secretaria de Assistência Social de Realeza, promoveu a primeira reunião do ano da Rede de Proteção Municipal que garante e resguarda os direitos de crianças e adolescente. O encontro se deu através da plataforma virtual google meet, devido às ações de combate e enfrentamento à Pandemia Covid-19.O Prefeito de Realeza, Paulo Bateria, fez a abertura do “meeting” pedindo um minuto de silêncio as vítimas do Coronavírus. Na sequência, destacou a importante da discussão para ações efetivas no combate a violência contra a criança e o adolescente.Zaneti Marcante, Secretária Municipal de Assistência Social, deu boas vindas à todos e deixou o município à disposição para, juntos, tratar deste tema com responsabilidade e humanidade.A Assistente Social da Prefeitura de Realeza e Coordenadora da proteção social especial, Carmem Daiane Basso, conduziu a reunião, apresentando o que é a Rede, sua função e dando a tônica das ações a serem realizadas durante o ano.

O encontro reuniu mais de quarenta pessoas, dentre a Promotora Amanda Gehr, Sargento Sandro Marcos Wachelenski Bau, da Polícia Militar, representando a Segurança Pública, Secretários Municipais, convidados e apoiadores da Comissão Regional de Enfrentamento as Violências Denize da Silveira, assistente Social do Ministério Público de Francisco Beltrão, Maristela Cavagnoli, técnica do Escritório regional de Francisco Beltrão, Maurício Hister, Técnico Pedagógico do Núcleo Regional de Educação de Francisco Beltrão, Cleoci Schineider, bibliotecária do Instituto Federal de Capanema. Além dos demais órgãos e entidades que compõe a Rede como Assistência Social, Saúde, Educação, Conselho Tutelar, Ministério Público, Poder Judiciário, Conselho da Comunidade, Segurança Pública e Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

A Promotora de Realeza, Dra Amanda Gehr, destacou a importância da iniciativa, mesmo diante da dificuldade da pandemia, e colocou o Ministério Público à disposição da Rede.Denize da Silveira, representante da Comissão Regional de Enfrentamento as Violências, parabenizou o município de Realeza e o Prefeito Paulo Bateria pela iniciativa. “Vale a pena continuar acreditando que é possível um mundo melhor. Com essa reunião pudemos ver que para a gestão do Executivo de Realeza a criança e a segurança da criança tem valor”, frisou.A Assistente Social que conduziu a reunião, Carmem Daiane Basso, falou ainda sobre o enfrentamento e a solução deste agravante social. “O problema, na maioria das vezes, está na família, mas a solução também. E todos nós da Rede temos a mesma linha e a mesma responsabilidade que é conduzir com sabedoria e buscas soluções”, finalizou.

A Rede de Proteção Municipal é o conjunto de entidades, profissionais e instituições que atuam para garantir apoio e resguardar os direitos de crianças e adolescentes em situações de risco. Nestes encontros, os representantes das diversas políticas públicas se encontram para planejar, acompanhar e avaliar ações desencadeadas a partir do diagnóstico sistematizado das demandas sociais.

Skip to content