Realeza, 17 de December de 2018 - Paraná - BR

Notícias

Autor: Admin

Servidores da Secretaria de Saúde participam da 8ª oficina do APSUS

A secretária de Saúde, através da coordenação de Saúde Mental e também da Coordenação da Atenção Básica de Saúde de Realeza promoveram na última terça-feira (15) a 8 oficina de atenção primária do SUS (APSUS), cujo tema principal é Saúde Mental.

A saúde mental de Realeza, vem se estruturando nos últimos anos, com a criação do Comitê em Saúde Mental e a Habilitação do CAPS – Centro de Atenção Psicossocial, o município pode ampliar seu serviço e também atender demandas que antes não eram contempladas.

No Encontro o Coordenador de Saúde Mental do Município Psicólogo Emerson Sgarbossa primeiramente apresentou o funcionamento da Rede de Atenção à Saúde Mental no Paraná e também os serviços e atividades oferecidas no município.

Pontuando os parâmetros assistenciais para o atendimento às pessoas com transtorno mental, níveis de gravidade que devem ter prioridades no atendimento dos serviços em saúde mental. Explorando a concepção de saúde mental, bem como todo o processo da Reforma Psiquiátrica, além de abordar os instrumentos das propostas dessa reforma, como exemplo a criação dos CAPS no Brasil. Foi destacado também os projetos e programas em execução em Realeza, projetos estes, que atendem tanto crianças, jovens e adultos, e até mesmo idosos no que envolve prevenção e promoção da Saúde Mental.

Outros assuntos abordados foram a realização da I Feira Artesanal e Cultural do CAPS e também o I Encontro Microrregional de Saúde Mental do Sudoeste do Paraná, que serão realizados em setembro de 2014.

Essa oficina do APSUS – Programa de Qualificação da Atenção Primária à Saúde é um programa inovador fortalecendo as capacidades de assistência e gestão do SUS que possibilitará à população municipal um atendimento à saúde com mais qualidade às demandas sociais, sanitárias e assistenciais por parte das Unidades de Saúde.

As oficinas do APSUS tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento de competência do corpo técnico e gerencial da APS – Atenção Primária do Município, para realizarem os diagnósticos locais de saúde e o planejamento municipal da estrutura da APS, além de estruturar a rede municipal de atendimento.

A oficina contou com o a participação de todos os servidores da secretaria de Saúde, podendo destacar os Enfermeiros, Psicólogos, dentistas, médicos, ACS’s, e outros profissionais estão participando da oficina.

O tema saúde mental foi a última oficina desenvolvida do APSUS com os profissionais da Saúde, as anteriores foram: Redes de Atenção, Rede Mãe Paranaense, Urgência e Emergência, Monitoramento e Avaliação, Planejamento Municipal da Atenção Primária de Saúde, Programação da Atenção Primária à Saúde e Vigilância em Saúde na Atenção primária à Saúde.

De acordo com a fala da Secretária de Secretária de Saúde Eliete Pimenta, essas capacitações vem para melhorar ainda mais o trabalho oferecido para a comunidade.